Calhas e rufos: entenda as diferenças

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

Cumeeira lisa

Muitas pessoas sabem o que é uma cumeeira, mas têm dificuldades de diferenciar outros dois materiais que auxiliam na construção de um telhado: rufos e calhas.

Saiba abaixo para que servem esses materiais e como você pode utilizá-los em sua construção!

Calhas

Mesmo quem não tem experiência com obras e construções deve saber o que é a calha metálica: ela é utilizada na maioria das construções, com o objetivo de captar a água da chuva que escorre dos telhados.

Ainda que possa ser feita de outros materiais, como PVC, a calha metálica é uma das mais utilizadas devido a sua alta durabilidade e resistência – afinal, esse é um material que será constantemente exposto à chuva, podendo enfrentar até mesmo fortes tempestades. Uma boa durabilidade é imprescindível.

Apesar de não serem obrigatórias, as calhas são essenciais para ajudar no escoamento da água, evitar o desgaste da pintura do imóvel, evitar respingos em varandas e outros cômodos, etc. Por isso, boa parte das construções contam com as calhas.

Rufo

Muitas pessoas confundem as calhas com rufo. Essas duas peças podem ter funções similares, mas funcionam de maneiras diferentes: enquanto a calha funciona como uma maneira de escoar a água da chuva, o rufo impede que essa água se infiltre na alvenaria de uma construção.

Rufos são, na verdade, peças moldadas e fixadas em lugares específicos do telhado de modo que não deixe a água da chuva se infiltrar na alvenaria. Ele pode ser aplicado entre a alvenaria e o telhado – chamado de rufo de encosto, ou entre duas águas do telhado, como uma cumeeira – chamado de rufo de capa.

Agora que você já sabe a diferença entre rufos, calhas e cumeeiras, pode começar a organizar sua obra e garantir o melhor resultado final.

Passe na Telhas e Ultra Painéis para conferir nossas opções e ofertas e garanta o melhor preço!



Comentários no Facebook